10 dicas para aproveitar a Black Friday

20:46:00 Inês de Almeida 2 Comments

Confessions of a Shopaholic

Amanhã vai acontecer o que é simultaneamente o pesadelo e o sonho dos consumistas: a Black Friday. Muitas lojas vão ter descontos que vão dos 20% até aos 50% (mas normalmente só atingem percentagens tão grandes em produtos seleccionados - espertos). Para saberem quais são as lojas vejam aqui. A que me interessa mais é a nossa Zara, o resto é um bocadinho paisagem. E porquê? Compro a minha roupa praticamente toda lá e a maldita loja quase nunca faz descontos. Por isso é de aproveitar. Vamos a essas dicas.

1 - Em primeiro lugar, é muito importante fazer uma lista do que se quer. Ainda não têm? Deviam ter feito uma no início da estação. É bom para uma pessoa se focar em comprar primeiro o que precisa para depois se dar aos devaneios. Porque um guarda-roupa planeado é muito mais rentável. E quem tem um orçamento limitado tem de se reger pelo essencial e investir sobretudo nas peças que mais necessita e que vai usar mais vezes. Por isso vá, força na wishlist

2 - Já estão munidos da vossa lista? Ok, então agora passem para a parte dos presentes de Natal. Esta é a altura ideal para investir nos presentes. Um desconto de 20% faz muita diferença, especialmente se o valor da prenda for alto. Neste caso é muito vantajoso não deixar tudo para a última e antecipar a compra dos presentes, para poder comprar algo melhor a menor custo. 

3 - Vão de manhã, se puderem. Ou à hora de almoço. Consegui fazer isso no ano  passado e encontrei as lojas ainda arrumadinhas e livres da confusão. Também é bom caso vão a centros comerciais muito movimentados, como o Colombo, em que os produtos ao final do dia tendem a já estar muito escolhidos e remexidos. 

4 - Estão de olho nuns ténis (que não estejam na moda - senão todo o mundo vai estar), nuns jeans mais dispendiosos ou numa mala? Esta é a altura para investir. Atenção, a Michael Kors também vai estar com 20% de desconto. Se estão para comprar aquela mala mais especial ou um relógio é agora.

5 - Não levem o vosso namorado. Ninguém precisa de olhares constantes de enfado enquanto experimenta uma blusa pela terceira vez. Embora dê jeito para segurar a roupa, tenho de admitir...

6 - Levem roupa fácil de despir e sapatos fáceis de descalçar, como sabrinas. Um vestido com sabrinas é ideal. Eu bem sei o quão maçador é passar pelo suplício de despir trinta camadas de roupa para experimentar mais uma peça. Não deixem que isso vos demova.

7 - Não comprem só porque está mais barato, comprem o que já queriam anteriormente. É fácil uma pessoa deixar-se levar, mas não há nada de bom em levar mais um mono para casa. A racionalidade de sempre continua a aplicar-se aqui. Mais ou menos, pronto.

8 - Se gostam mesmo de uma peça da Zara, por exemplo, é uma melhor aposta comprá-la agora do que esperar pelos saldos. Primeiro porque agora toda a colecção está na loja, segundo porque os saldos da marca são mesmo fraquinhos.

9 - Se não o fizeram já, percorram os sites das lojas a que tencionam ir (os que têm loja online) e vejam o que vos agrada. Claro que ao vivo e experimentando é sempre diferente, mas assim já se vai com uma ideia do que se quer para as lojas e evita-se uma maior perda de tempo.

10 - Não percam a cabeça e gastem o dinheiro que não têm, para depois passarem o resto do mês a tinir. Esta vale para mim também, que no ano passado deixei-me levar e comprei mais do que devia. 

Posto isto, boas compras!

2 comentários:

  1. Boas dicas! :-) Resta ter força para as cumprir a todas, principalmente o ponto 7! :-D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O ponto 7 é MESMO muito difícil, Patrícia :P (assim como o 10)

      Eliminar