Diário de bordo: Dubai 1 - A viagem

21:08:00 Inês de Almeida 1 Comments

Boieng 777-300ER (foto oficial da Emirates)
No dia 8 parti para o Dubai e regressei hoje, dia 18, prontinha para vos contar tudo. Finalmente fui visitar a minha irmã, que é hospedeira na Emirates há mais de dois anos. O Dubai é um destino muito diferente de tudo aquilo que eu já conhecia (por isso preparem-se para uma quantidade obscena de posts a dissecar o assunto). 

Nunca tinha saído da Europa anteriormente, por isso o espanto e o prazer da descoberta foram ainda maiores. Começo por vos falar da viagem. Esta foi a terceira vez que viajei de avião. Anteriormente só tinha ido a Londres e a Barcelona. Viagens curtas, portanto. Desta vez, além de não ir acompanhada como das outras, para chegar ao destino passei sete horas no ar para ir e oito horas para voltar. O que tornou tudo mais agradável foi o que o Boeing 777-300ER tem ao dispor dos passageiros na classe económica (da executiva nem falo, porque não tenho o prazer de conhecer).

Nas duas viagens que fiz anteriormente fui na Ryanair e na TAP, por isso notei uma diferença enorme nas condições do avião. Em primeiro lugar destaco a simpatia dos comissários de bordo. É um requisito obrigatório da companhia, aliás. Estão sempre disponíveis para ajudar e com um sorriso na cara. Mas melhor do que isso é o serviço de entretenimento que têm a bordo, que ajuda a minorar o suplício que é passar sete horas a viajar.

2 Broke Girls (uma das 200 coisas que vi)

Para preencher o tempo, cada passageiro dispõe de um sistema de entretenimento individual que é considerado o melhor do mundo e que conta com mais de dois mil filmes, além de séries de TV, documentários e música. Eu perdi a conta à quantidade de filmes que vi. Infelizmente não eram legendados em português. Além deste sistema, a maioria dos aviões da Emirates já tem wi-fi, o que é óptimo.

Pequeno-almoço de hoje

As refeições também são bastante boas (para os padrões aéreos, leia-se). E na classe económica tem-se direito, também, a uma selecção gratuita de vinhos, cervejas, bebidas espirituosas ou refrigerantes. Por exemplo, quando fui para lá este era o menu do jantar:

Entrada: 
Frango grelhado com salada de feijão
Prato principal: 
Frango Sumac com arroz de açafrão, ervilhas de quebrar ao vapor e pimentão
ou
Salmão alourado com manteiga de pimenta preta, taglietelle e espinafres salteados
Sobremesa:
Delícia de laranja e baunilha servida com molho de laranja
Chocolate
Bebidas Quentes:
Chá ou café

Assentos bem confortáveis na classe económica

Detalhes que fazem a diferença:
- Em cada assento estão dispostos logo à chegada um cobertor, uns auscultadores e uma almofada.
- Antes da refeição são dadas toalhinhas quentes aos passageiros para limparem as mãos e após a refeição também.
- A iluminação ambiente ajuda os passageiros a ajustarem-se ao novo fuso horário.
- A companhia também disponibiliza brinquedos para as crianças.
- Ao longo do voo é comum os comissários de bordo terem atenções para os passageiros, como darem um copo de champanhe a quem faz anos ou tirarem fotografias que oferecem numa moldura da Emirates. A mim ofereceram-me uns chocolates maravilhosos da Godiva na ida (mas não na vinda, com grande pena minha).

Iluminação ambiente à noite (adoro o tecto a imitar o céu estrelado!)

Gostei de viajar na Emirates e gostei ainda mais de conhecer o Dubai, mas isso fica para um próximo post. Ainda tenho muito para contar!

1 comentário: